Boletim Moçambique

Sexta, 03 Novembro 2017 • 18 notícias • 8686 caracteres

Subscreva aqui a newsletter Boletim Moçambique

   Moçambique

Companhia aérea Fastjet inicia atividade em Moçambique e promete preços mais baixos

Maputo - A companhia aérea Fastjet iniciou a atividade em Moçambique com o presidente do conselho de administração a defender preços mais acessíveis para estimular a economia.

"O mercado moçambicano está pronto para ver preços mais baixos", disse Nico Bezuidenhout à Lusa. Aquele responsável falava à margem de uma cerimónia alusiva ao voo inaugural da companhia, que na sexta-feira iniciou as suas operações em Moçambique.

   Moçambique

PR preocupado com queda de Moçambique no índice mundial sobre negócios

Maputo - O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, defendeu medidas urgentes contra a burocracia, corrupção e falta de transparência, face à posição de Moçambique no índice do Banco Mundial sobre o ambiente de negócios.

No relatório Doing Business-2017, do Banco Mundial, divulgado esta semana, Moçambique caiu um lugar, ficando no 137.º posto entre um total de 190 países.

   MOçambique

Moçambique elimina gasóleo com elevado teor de enxofre

Maputo - O Governo moçambicano eliminou a utilização no país do gasóleo com elevado teor de enxofre, substituindo-o por gasóleo menos poluente, anunciou o Ministério da Energia e Recursos Minerais.

O gasóleo usado até aqui, com um grau de enxofre de 500 ppm (parte por milhão) será substituído em todos os postos de abastecimento de combustíveis por uma versão com 50 ppm.

   MOçambique

Comissão Nacional de Eleições adia recenseamento piloto

Maputo - A Comissão Nacional de Eleições de Moçambique (CNE) adiou o recenseamento eleitoral piloto, inicialmente marcado para começar segunda-feira, devido a razões técnicas e logísticas, anunciou na sexta-feira em comunicado. 

O recenseamento visava um ensaio para as eleições autárquicas de 10 de outubro de 2018. Em comunicado, a CNE informa que será agendada uma nova data para a sua realização.

   Angola

Ministério da Saúde com mais 11 viaturas entregues pela OMS para reforçar vacinação

Luanda – O Ministério da Saúde angolano viu reforçada a frota de viaturas para a intensificação da vacinação, com mais 11 viaturas entregues pela Organização Mundial de Saúde (OMS), no valor de 320 mil dólares (272.308 euros).

Em nota de imprensa a que a agência Lusa teve acesso na sexta-feira, a OMS refere que as viaturas, financiadas pela Aliança Mundial de Vacinas e da Imunização (GAVI), foram entregues quarta-feira e servem para intensificar a vacinação de rotina em áreas de baixa cobertura vacinal, bem como expandir as atividades do Programa de Vacinação em Angola.

   Angola

Ministro das Finanças quer que maior banco público acelere saneamento das contas

Luanda - O ministro das Finanças angolano exortou na sexta-feira o novo presidente do conselho de administração do Banco de Poupança e Crédito (BPC) a acelerar o saneamento da instituição, a maior em Angola, e desinvestindo em áreas fora da banca.

A posição foi assumida por Archer Mangueira no discurso proferido na sexta-feira, em Luanda, na cerimónia de posse de Alcides Safeca como novo líder do BPC, o quarto presidente do conselho de administração que o banco - detido pelo Estado e em processo de reestruturação devido aos mais de 2.000 milhões de euros de crédito malparado -, conhece desde outubro de 2016.

   Brasil

Fabricante de doces alemã investigará fornecedores no Brasil

São Paulo, Brasil - A fabricante de doces alemã Haribo realizará uma investigação interna depois de ter sido acusada num documentário de deixar funcionários de uma plantação brasileira trabalharem em condições deploráveis que são análogas à escravidão.

"Estamos chocados e assustados com os recentes testemunhos sobre o tratamento de trabalhadores de fornecedores de cera de carnaúba no Brasil, e esse comportamento é inaceitável", afirmou a empresa alemã em comunicado, acrescentando que um "inquérito independente" irá começar esta semana.

   Portugal

Agência DBRS mantém rating de Portugal em nível de investimento

Lisboa – A agência DBRS manteve na sexta-feira o ‘rating’ de Portugal em BBB (baixo), o primeiro nível de investimento, tal como a perspetiva estável, o que sinaliza a intenção de não alterar esta nota no médio prazo.

Em comunicado, a agência de notação financeira atribui a manutenção da nota a Portugal em patamar de investimento, isto é, acima das de especulação, à pertença à Zona Euro e à aderência às regras de governação económica da União Europeia. 

   Portugal

Orçamento do Estado para 2018 aprovado na generalidade

Lisboa - A proposta de Orçamento do Estado para 2018 e as Grandes Opções do Plano foram na sexta-feira aprovadas no parlamento, na generalidade, com os votos favoráveis de PS, BE, PCP e PEV, contra de PSD e CDS-PP e a abstenção do PAN.

No final da votação, apenas os deputados da bancada do PS bateram palmas. As propostas baixaram à comissão de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa para serem discutidas na especialidade entre 06 e 17 de novembro. 

   Portugal

Língua vale 17% do PIB, economia e universidades devem promovê-la - MNE

Lisboa – A língua portuguesa vale 17 por cento do Produto Interno Bruto, disse na sexta-feira o ministro dos Negócios Estrangeiros, que apelou ao envolvimento do setor económico e das universidades na promoção do português como “uma das línguas globais de hoje”.

“As primeiras estimativas sobre o cálculo do valor económico da língua portuguesa indicam que vale qualquer coisa como 17% do nosso produto. Temos de passar desse conhecimento para a ação e uma consequência óbvia é interessar a economia, as universidades, outros agentes, nesta promoção conjunta da língua portuguesa”, destacou hoje Augusto Santos Silva, na cerimónia de posse do novo presidente do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, Luís Faro Ramos. 

   Timor-Leste

Orçamento retificativo timorense rondará 211 milhões de dólares – primeiro-ministro

Perth, Austrália - O primeiro-ministro timorense disse na sexta-feira que o Orçamento Retificativo vai contemplar um aumento de cerca de 211 milhões de dólares nas contas deste ano para pagar projetos adjudicados nos últimos meses do anterior executivo.

"O retificativo inclui as dívidas que foram contraídas nos primeiros meses do segundo semestre deste ano com projetos adjudicados de forma direta a 140 e tal empresas. No total são 211 milhões de dólares", disse Mari Alkatiri em declarações à Lusa em Perth, na Austrália.

   Timor-Leste

PM australiano anuncia acordo com Timor-Leste para oferta de navios patrulha

Perth, Austrália - O primeiro-ministro australiano Malcolm Turnbull, anunciou na sexta-feira que Timor-Leste aceitou uma oferta de Camberra de dois navios para patrulhar as águas timorenses, saudando ao mesmo tempo o acordo sobre fronteiras marítimas entre os dois países.

"Conseguimos resolver a disputa de fronteiras entre os dois países e é particularmente valioso e importante que tenhamos conseguido isto, mas temos também um programa de construção os novos navios de patrulha do Pacífico", disse Malcolm Turnbull, em Perth.

   Macau

Lucros da operadora de jogo em Macau Melco sobem 86,8% no terceiro trimestre para quase 100 ME

Macau, China - A operadora de jogo Melco Resorts & Entertainment anunciou lucros líquidos de 115,9 milhões de dólares (99,3 milhões de euros) no terceiro trimestre deste ano, mais 86,8% do que entre julho e setembro de 2016.

No terceiro trimestre do ano passado, a Melco Resorts & Entertainment, operadora liderada por Lawrence Ho, um dos filhos do magnata dos casinos Stanley Ho, registou lucros líquidos de 62 milhões de dólares (53,1 milhões de euros).

   Guiné-Bissau

União Europeia financia formação da comunicação social 

Bissau - A União Europeia através do Programa de Apoio a Atores Não Estatais (UE-PAANE) na Guiné-Bissau vai realizar uma formação para capacitar órgãos de comunicação social guineenses.

Em comunicado divulgado à imprensa, a UE-PAANE refere que a formação é dirigida a todos os profissionais da comunicação social, nomeadamente jornalistas, fotógrafos, operadores de imagem, editores de imagem e realizadores de televisão.

   Guiné-Bissau

Criado partido de Liderança para o Desenvolvimento Sustentável

Bissau – A Guiné-Bissau conta, desde sexta-feira, com um novo partido designado Liderança para o Desenvolvimento Sustentável (LIDS), liderado por Filinto Omar Salla que propõe colocar mais mulheres nas esferas de decisão como fórmula para mudar o país.

Atual presidente do Instituto da Juventude da Guiné-Bissau, Filinto Salla, nascido a 12 de outubro de 1982, quer levar o seu partido a participar nas próximas eleições legislativas previstas para 2018 e, se ganhar, apresentar “soluções que possam melhorar as condições de vida dos guineenses”.

   Cabo Verde

PR defende passagem da teoria à prática no setor da justiça

Praia - O Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, defendeu na sexta-feira  que o combate à morosidade e às pendências judiciais resolve-se com a execução das soluções já desenhadas e decididas e não na realização de mais estudos.

"Têm sido desenvolvidos estudos, apresentados diagnósticos e alvitradas soluções por parte de entidades envolvidas no setor da Justiça, sempre com o louvável intuito de contribuir para a elevação dos níveis de resposta do aparelho judicial. No entanto, o problema maior parece ser o da execução das soluções e não propriamente a identificação das mesmas", defendeu. 

   Mundo

Estados Unidos atacam na Somália e eliminam “vários terroristas”

Mogadíscio – Os Estados Unidos conduziram na sexta-feira, pela primeira vez, dois ataques aéreos contra os combatentes do autoproclamado Estado Islâmico na Somália, de que resultaram “vários terroristas mortos”, anunciou o comando norte-americano em África.

Num comunicado citado pela agência Associated Press, o comando refere que os ataques foram realizados no nordeste da Somália, em coordenação com o governo local.

   Economia

Sonangol desmente corte no fornecimento de combustíveis a cimenteira que encerrou

Luanda - A petrolífera estatal angolana Sonangol desmentiu na sexta-feira que tenha suspendido o abastecimento de combustível à Fábrica de Cimento do Kuanza Sul (FCKS), que esta semana anunciou a paralisação dos trabalhos por este mesmo motivo.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a Sonangol nega que tenha suspendido, em qualquer altura, o fornecimento àquela cimenteira, na província do Cuanza Sul, sublinhando que "não houve nenhuma decisão" para se parar com o abastecimento a "qualquer outra fábrica de cimento a operar em Angola".