Boletim Moçambique

Sexta, 29 Abril 2016 • 25 notícias • 11973 caracteres

Subscreva aqui a newsletter Boletim Moçambique

   Moçambique

ONU recebeu informação preocupante sobre Moçambique - porta-voz

Genebra – Um porta-voz das Nações Unidas disse que a organização recebeu “informação preocupante” sobre confrontos armados em Moçambique, entre membros das forças de segurança e antigos rebeldes da Renamo, que é agora o principal partido da oposição.

Rupert Colville, porta-voz do Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos, especificou, durante uma conferência de imprensa, que “as violações dos direitos humanos incluem casos de desaparecimentos forçados e execuções forçadas também têm sido reportados”. 

   Moçambique

Administrador de Gorongosa nega existência de vala comum

Gorongosa - O administrador de Gorongosa, centro de Moçambique, desmentiu a existência de uma vala comum no distrito, contrariando o relato de um grupo de camponeses que asseguraram à Lusa terem observado dezenas de corpos depositados no local.

Num comunicado citado pela Agência de Informação de Moçambique (AIM), Manuel Jamaca afirma que uma equipa do governo distrital foi enviada ao local, na zona 76, posto administrativo de Canda, mas não encontrou a referida vala comum, que, segundo os camponeses, terá mais de 100 cadáveres.

   Moçambique

Polícia diz que vai iniciar investigação a descoberta de vala comum

Beira- A Polícia de Sofala, centro de Moçambique, vai iniciar uma investigação para apurar a veracidade da denúncia da descoberta de uma vala comum com mais de cem cadáveres no interior da Gorongosa, disse esta sexta-feira à Lusa fonte policial.

Daniel Macuacua, porta-voz da Polícia de Sofala, informou que "um trabalho de interação" entre o comando provincial da PRM (Polícia da Republica de Moçambique) e distrital da Gorongosa estava em curso para apurar a veracidade da descoberta de uma vala comum por um grupo de camponeses. 

   MOçambique

Comissão de Direitos Humanos quer esclarecer revelação de vala comum

Maputo - A Comissão de Direitos Humanos de Moçambique (CDHM) quer apurar a veracidade dos relatos da descoberta de uma vala comum com mais de cem corpos no centro do país, adiantado que, a confirmar-se, é um caso "muito preocupante".

Salientando a existência de informações contraditórias sobre o caso, o presidente da CDHM, Custódio Duma, disse que, "se for um facto real e comprovado, é muito preocupante", referindo que a primeira atitude da instituição "é apurar se aquela situação aconteceu" e instando o Ministério Público também a investigar.

   MOçambique

Polícia regista apenas dois pequenos incidentes em dia calmo em Maputo

Maputo - A polícia moçambicana descreveu na sexta-feira um dia calmo em Maputo, tendo apenas registado dois pequenos incidentes durantes as suas ações de vigilância a um protesto convocado nas redes sociais contra as dívidas ocultas.

Segundo Inácio Dina, porta-voz do comando-geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), dois jovens protagonizaram o que considerou como pequenos incidentes e foram imediatamente detidos. 

   MOçambique

Receio de tensão deixa mercados de Maputo a meio-gás

Maputo - O receio de agitação nas ruas deixou esta sexta-feira os mercados da periferia de Maputo a meio-gás e os acessos ao centro da capital sob forte vigilância policial, após a circulação de mensagens convocando um protesto contra dívidas ocultas.

Se fosse um dia normal, a praça dos Combatentes, situada às portas do famoso mercado de Xiquelene, na periferia de Maputo, apresentaria um aglomerado de pessoas dispostas a vender e comprar produtos variados, num clima de desordem e imundice, mas que é sustento de muitas famílias pobres dos bairros da Polana Caniço, Ferroviário e Costa do Sol.

   Angola

Nunca foi tão caro e receoso comprar dólares nas ruas de Luanda

Luanda - Comprar um dólar nas ruas de Luanda custava, na sexta-feira, até 480 kwanzas, o triplo do câmbio oficial, negócio feito cada vez com mais receio pelas 'kinguilas' angolanas, mulheres que se dedicam à compra e venda ilegal de divisas.

Numa ronda feita pela agência Lusa pelas ruas da capital angolana, o valor mais alto para comprar a nota de dólar a estas mulheres foi no bairro do São Paulo, nos arredores. Noutras zonas, como nos bairros da Maianga ou no Maculusso, centro de Luanda, os valores rondavam os 450 a 460 kwanzas por cada dólar. 

   Angola

Franceses financiam compra de meios para hospitais angolanos

Luanda - O banco francês Societé Generale vai financiar, com um crédito de quase 60 milhões de euros, a aquisição de meios técnicos para o Instituto Nacional de Emergências Médicas de Angola (INEMA).

De acordo com um despacho presidencial de 22 de abril, a que a Lusa teve acesso, a compra de meios técnicos para a "extensão nacional da assistência pré-hospitalar do INEMA e outros meios do Serviço Nacional de Saúde", lê-se, é feita à Societé Française de Equipaments Hospitaliers, num contrato autorizado desde 2013.

   Angola

Faturação do petróleo 30% abaixo do esperado no primeiro trimestre

Luanda - Angola exportou mais de cinco mil milhões de dólares de petróleo nos primeiros três meses de 2016, menos 30 por cento face à previsão do Orçamento Geral do Estado (OGE), afetando fortemente as receitas fiscais.

De acordo com dados do Ministério das Finanças compilados esta sexta-feira pela agência Lusa, Angola exportou nos três primeiros meses do ano 160.115.293 milhões de barris de crude, a um preço médio de 31,66 dólares, o que terá representado uma faturação global de 5.069 milhões de dólares (4,45 mil milhões de euros).

   Brasil

Desemprego no Brasil fica em 10,9% no primeiro trimestre de 2016

São Paulo, Brasil - O desemprego no Brasil atingiu os 10,9% no primeiro trimestre deste ano, segundo dados divulgados na sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o que corresponde a cerca de 11,1 milhões de pessoas sem emprego.

Esta é a maior taxa constatada no país para o período desde o início da pesquisa mensal sobre desemprego, que começou a ser divulgada pelo IBGE em 2012. 

   Brasil

Michel Temer diz que não se candidatará em 2018 se assumir a Presidência

Brasília - O vice-Presidente brasileiro, Michel Temer, disse que, se assumir a Presidência com a destituição da Presidente Dilma Rousseff, não se candidatará ao cargo nas eleições de 2018.

"Sem dúvida alguma [apoiaria o fim da reeleição]. Até porque isso me daria maior liberdade para a ação governamental se eu vier a ocupar o governo", afirmou Michel Temer, em entrevista ao canal brasileiro de televisão SBT quinta-feira.

   Brasil

Governo vai pedir suspensão do relator da comissão de destituição no Senado

Brasília - O advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, anunciou esta sexta-feira que vai pedir a suspensão do relator da comissão especial do processo de destituição da Presidente Dilma Rousseff no Senado.

O argumento para pedir o afastamento do senador António Anastasia, do Partido da Social Democracia Brasileiro (PSDB) prende-se com uma "suspeição objetiva" de ligação dos autores do pedido de 'impeachment' (destituição) da Presidente com esse movimento partidário.

   Portugal

DBRS mantém 'rating' de Portugal acima de lixo e perspetiva estável

Lisboa - A agência de notação financeira DBRS anunciou sexta-feira que manteve o ‘rating’ da dívida pública portuguesa em ‘BBB’ (baixo), um nível acima de ‘lixo’, com perspetiva estável.

A deliberação da DBRS era aguardada pelos mercados pelo impacto que uma revisão em baixa poderia ter na capacidade de financiamento de Portugal no exterior, porque a notação de investimento atribuída pelo menos por uma das maiores agências de notação financeira é exigida para que o Banco Central Europeu (BCE) continue a comprar dívida pública em Portugal e a financiar a banca nacional.

   Portugal

Operação Fénix: Pinto da Costa vai a julgamento por 7 crimes ligados à segurança privada

Lisboa – O Tribunal Central de Instrução Criminal (TCIC) decidiu levar a julgamento 54 arguidos da Operação Fénix, incluindo o presidente do Futebol Clube do Porto, Pinto da Costa, e o administrador da SAD do clube, Antero Henriques.

Segundo o despacho de pronúncia, Jorge Nuno Pinto da Costa vai a julgamento por sete crimes de exercício ilícito da atividade de segurança privada, enquanto Antero Henriques responde por seis crimes idênticos.

   Timor-Leste

Parlamento aprova por ampla maioria requerimento para substituir mesa

Díli - O plenário do Parlamento Nacional timorense aprovou sexta-feira por ampla maioria, com 47 votos a favor e 9 contra, um requerimento do maior partido, o CNRT, que defende a eleição de uma nova mesa do parlamento.

O requerimento foi apoiado pelas bancadas do Congresso Nacional da Reconstrução Timorense (CNRT), da Fretilin e da Frente Mudança (FM), tendo registado os votos contra do Partido Democrático (PD).

   Macau

Quatro mil novos veículos em circulação no 1.º trimestre

Macau – Macau tinha no final do primeiro trimestre cerca de 249 mil veículos em circulação, mais três por cento do que no período homólogo de 2015, dos quais quatro mil com matrículas novas, indicam dados oficiais.

De acordo com as estatísticas relativas aos transportes e comunicações, no final de março havia em Macau 249.215 veículos motorizados em circulação, dos quais 52% eram motociclos e 41,42% eram veículos ligeiros particulares, num território com 421,3 quilómetros de estradas.

   Macau

Preços das casas descem mais de 20% em março e vendas disparam

Macau, China - O preço médio do metro quadrado das casas em Macau voltou a cair em março para 72.741 patacas (7.990 euros), menos 20,6% que no mesmo mês do ano passado, segundo dados divulgados sexta-feira.

Os dados, relativos às frações autónomas destinadas à habitação que foram declaradas para liquidação do imposto de selo, permitem também concluir que, face fevereiro de 2016, o preço do metro quadrado das casas em Macau caiu 1,3%.

   Guiné-Bissau

China oferece medicamentos e material hospitalar à Guiné-Bissau

Bissau - A China ofereceu ao bloco operatório do Hospital Militar de Bissau um conjunto de medicamentos e material no valor de 67 mil euros, um gesto elogiado pela ministra guineense da Defesa, Adiatu Nandigna.

Os medicamentos e os equipamentos foram entregues pelo embaixador da China na Guiné-Bissau, Huang Wa, segundo o qual Pequim "considera as doenças os principais inimigos" a combater. 

   Cabo Verde

Suspeito de 11 mortes está sob tutela militar

Praia - O soldado suspeito de 11 mortes num posto militar em Cabo Verde já está sob tutela militar, disse à agência Lusa fonte da Polícia Judiciária de Cabo Verde.

De acordo com a mesma fonte, o jovem de 22 anos, que foi detido ao início da tarde de quarta-feira, esteve apenas nas instalações da Polícia Judiciária, na cidade da Praia, a aguardar transferência não tendo prestado quaisquer declarações

   Cabo Verde

Governo abre inquérito sobre eventuais irregularidades em posto militar

Praia - O Governo de Cabo Verde anunciou esta sexta-feira a abertura de um inquérito para apurar a existência de eventuais irregularidades no funcionamento do destacamento militar de Monte Txota, onde 11 pessoas foram mortas no início da semana.

"O Governo através do Ministério da Defesa mandou abrir um inquérito para averiguar as eventuais irregularidades no funcionamento do destacamento Militar de Monte Txota, onde ocorreram os homicídios", disse o ministro da Defesa, Luís Filipe Tavares.

   Cabo Verde

PJ garante empenho para que tráfico de droga não “faça escola” no país

Praia - O diretor da Polícia Judiciária (PJ) de Cabo Verde, Patrício Varela, garantiu que as autoridades estão empenhadas na luta contra o tráfico de droga e reafirmou a determinação da PJ para que este crime não "faça escola" no arquipélago.

"Cabo Verde e as autoridades estão empenhados em lutar contra o crime organizado, particularmente o tráfico de drogas que tem outros crimes conexos. A PJ, que tem a competência no território nacional para a investigação de todo o tipo de crime relacionados com estupefacientes e lavagem de capitais, vai continuar a fazer o seu trabalho", disse Patrício Varela, citado pela agência de notícias cabo-verdiana Inforpress.

   Cabo Verde

Exportações aumentam 31,9% no primeiro trimestre do ano

Praia - As exportações de Cabo Verde aumentaram 31,9% no primeiro trimestre do ano, enquanto as importações e as reexportações diminuíram 4,6% e 7,4%, respetivamente, segundo dados divulgados esta quinta-feira pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE) cabo-verdiano.

Segundo os dados provisórios do comércio externo apurados pelo INE, no primeiro trimestre deste ano o défice da balança comercial diminuiu 7,7% e a taxa de cobertura aumentou em 3%, comparativamente ao período homólogo. 

   Economia

Galp Energia com resultado líquido de 114 milhões de euros no primeiro trimestre

 Lisboa - A Galp Energia registou um resultado líquido ajustado de 114 milhões de euros no primeiro trimestre do ano, uma diminuição de sete milhões face ao período homólogo de 2015, informou sexta-feira a empresa.

Na comunicação dos resultados trimestrais à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Galp Energia adianta que, de acordo com as Normas Internacionais de Relato Financeiro (IFRS), o resultado líquido foi negativo em 58 milhões de euros, "incluindo um efeito 'stock' negativo de 92 milhões de euros (decorrente da descida do preço das 'commodities') e eventos não recorrentes de 80 milhões".

   Desporto

Benfica reforça comando da Liga na véspera do 'clássico' FC Porto-Sporting

Lisboa - O Benfica consolidou na sexta-feira a liderança da I Liga portuguesa de futebol, ao derrotar em casa o Vitória de Guimarães, por 1-0, somando o seu décimo triunfo seguido no campeonato em jogo da 32.ª e antepenúltima jornada.

No Estádio da Luz, em Lisboa, o defesa central brasileiro Jardel marcou o único golo da partida no arranque da segunda parte, aos 47 minutos, deixando o Benfica com 82 pontos, mais cinco do que o Sporting, segundo classificado, que no sábado visita o FC Porto.

O Vitória de Guimarães, que não ganha na I Liga há 12 jornadas, acumulando seis derrotas e seis empates, segue no 11.º lugar, com 36 pontos, mais um do que o Marítimo.

   Desporto

Chama olímpica na sede da ONU e sem abordagem à crise

Genebra – O secretário-geral da ONU e o presidente do Comité olímpico Internacional (COI) evitaram esta sexta-feira abordar a crise política no Brasil e os atrasos na preparação dos Jogos do Rio2016.

Na cerimónia de boas-vindas à chama olímpica à sede da ONU, em Genebra, estiveram presentes políticos brasileiros e vários atletas olímpicos, mas os problemas políticos e económicos no Brasil foram evitados.