Boletim Moçambique

Terça, 23 Junho 2015 • 22 notícias • 10513 caracteres

Subscreva aqui a newsletter Boletim Moçambique

   Moçambique

Dhlakama admite ter ordenado emboscada contra exército moçambicano no centro do país

Beira - O líder da Renamo, Afonso Dhlakama, admitiu terça-feira ter autorizado uma emboscada às Forças de Defesa e Segurança moçambicanas, em Tete, centro do país, para evitar uma nova movimentação das suas tropas e pede uma comissão de inquérito parlamentar.

Em declarações à Lusa na cidade da Beira, Afonso Dhlakama, líder da Renamo (Resistência Nacional Moçambicana), disse que a emboscada ocorreu a 14 de junho, a três quilómetros da base de Mucombeze (Moatize, Tete), que reagrupa o braço militar do partido, e avançou que dos confrontos resultaram 45 mortos do lado das forças de defesa e segurança e nenhum do seu, contrariando dados da polícia que referem apenas um morto e um ferido.

   Moçambique

Governo moçambicano e Renamo assim acordo sobre despartidarização do Estado

O Governo moçambicano e a Renamo, principal partido de oposição, assinaram na terça-feira um acordo para a despartidarização do Estado, no âmbito das negociações que as duas partes vêm realizando há mais de dois anos sobre a situação política.

   Moçambique

Cimpor investe mais de 200 ME em nova fábrica no norte de Moçambique

Maputo - A Cimentos de Moçambique, detida pela Cimpor, vai investir 250 milhões de dólares (223 milhões de euros) numa nova fábrica em Nacala, na província moçambicana de Nampula, norte do país, revelou terça-feira a administração da empresa à Lusa.

A nova unidade, que se vai juntar a outras cinco que a empresa já possui em Moçambique, entrará em funcionamento até 2018, com a capacidade de produção de 1,5 milhões de toneladas por ano, e vai criar 500 postos de trabalho, avançou Jorge Reis, diretor-geral da Cimentos de Moçambique, à Lusa.

   MOçambique

Dhlakama propõe criação de comissão para negociar províncias autónomas em Moçambique

Beira - O líder da Renamo, Afonso Dhlakama, propõe a criação de uma comissão, com elementos do Governo e do seu partido, para negociar as províncias autónomas que reivindica para Moçambique.

"Esta proposta já foi colocada ao Governo, através da sua assessoria, para que qualquer encontro que houver com [o Presidente a República, Filipe] Nyusi não seja apenas para apertos de mão, porque isso seria dececionar a população que espera que a Renamo governe seis províncias", disse à Lusa Afonso Dhlakama, líder da Resistência Nacional Moçambicana (Renamo).

   MOçambique

Homem preso a tentar vender 46 armas AK-47 no centro de Moçambique - polícia

Maputo - A polícia moçambicana anunciou terça-feira a detenção de um homem na posse de 46 armas AK-47, no centro do país, que alegou pertencerem à Renamo, principal partido de oposição, e que pretendia vendê-las por cerca de 1.200 euros cada.

"Segundo este (detido), as armas pertencem à Renamo e ele diz que pretendia vender a cinco mil meticais cada (cerca de 1.200 euros)", afirmou o porta-voz do Comando-Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), Pedro Cossa, citado pela Agência de Informação de Moçambique, (AIM), durante a conferência de imprensa semanal de balanço da atividade policial.

   Angola

Ministro da Construção angolano apela a investimento privado no setor

Luanda - O ministro da Construção de Angola apelou terça-feira ao investimento nesta área, onde a oferta de oportunidades ainda é grande e a aposta do setor privado uma necessidade para o desenvolvimento do país.

A posição foi assumida por Waldemar Pires Alexandre no fórum Empresarial Angola-Portugal, realizado terça-feira em Luanda, no qual apresentou o Plano de Investimento nas Infraestruturas em Angola a cerca de 600 empresários dos dois países.

   Angola

Investimentos entre Portugal e Angola passam a ter acompanhamento político

Luanda - O ministro da Economia, António Pires de Lima, afirmou terça-feira que o novo Observatório dos investimentos angolanos em Portugal e portugueses em Angola, agora criado, vai permitir o acompanhamento político dos projetos mais relevantes para os dois países.

O governante português falava à margem da assinatura, em Luanda, em conjunto com o congénere angolano, Abraão Gourgel, do acordo que formaliza a criação deste observatório, durante o primeiro Fórum Empresarial Angola-Portugal.

   Angola

Angola vê reforço da cooperação económica com Portugal face a relações políticas

Luanda - O ministro da Economia de Angola, Abraão Gourgel, projetou terça-feira o reforço da cooperação económica com Portugal, fruto do atual nível das relações políticas e da firmeza dos empresários de ambos os países.

O governante angolano discursava na abertura do primeiro Fórum Empresarial Angola-Portugal, que reúne em Luanda cerca de 600 empresários dos dois países para promover oportunidades de negócios, através do aprofundamento de parcerias entre empresas angolanas e portuguesas.

   Brasil

Antigo ídolo do Flamengo morre aos 77 anos

Rio de Janeiro – O ex-futebolista e treinador Carlinhos, antigo jogador do Flamengo, morreu na segunda-feira aos 77 anos, devido a insuficiência cardíaca, anunciou o clube brasileiro.

Luiz Carlos Nunes da Silva, conhecido como Carlinhos, destacou-se como médio do Flamengo, equipa em que jogou nas décadas de 50 e 60, além de também ter representado a seleção do Brasil.

   Portugal

Remessas dos emigrantes subiram 6,4% em abril - Banco de Portugal

Lisboa - As remessas dos portugueses no estrangeiro subiram 6,4 por cento em abril, para 250 milhões de euros, relativamente ao mesmo mês de 2014, ao passo que o dinheiro enviado pelos trabalhadores estrangeiros em Portugal subiu 1 por cento, para 37,4 milhões de euros.

De acordo com o Boletim Estatístico de junho, publicado pelo Banco de Portugal, os emigrantes já enviaram 1.036 milhões de euros nos primeiros quatro meses do ano, o que compara com os 939,1 milhões enviados no mesmo período do ano passado. 

   Timor-Leste

Portugal está a analisar proposta timorense para retomar cooperação na Justiça

Díli - O diálogo para retomar a cooperação de Portugal e Timor-Leste na área da justiça está a decorrer positivamente e uma proposta adenda ao protocolo existente vai ser avaliada tecnicamente, disse terça-feira o secretário de Estado da Justiça português.

"A perspetiva é muito positiva, o registo do diálogo foi muito positivo e é nesse caminho que vamos fazer os passos seguintes", disse à Lusa, em Díli, António Manuel da Costa Moura.

   Timor-Leste

Moçambique e Cabo Verde reforçam cooperação judicial com Timor-Leste

Díli - Moçambique e Cabo Verde vão reforçar a sua cooperação judicial com Timor-Leste, especialmente nas áreas de formação e assessoria técnica, em várias áreas do setor da Justiça, ampliando iniciativas desenvolvidas nos últimos anos.

Para isso, os ministros da Justiça dos dois países, José Carlos Lopes (Cabo Verde) e Abdurremane Lino de Almeida (Moçambique) e de Timor-Leste, Ivo Valente, assinaram terça-feira protocolos gerais de cooperação para o setor da justiça.

   Timor-Leste

O debate sobre o AO que obrigou a uma ata (acta) da CPLP com duas grafias

Díli - Exigências de Angola e Moçambique sobre o Acordo Ortográfico (AO) obrigaram à alteração da ata final da XIV Conferência dos Ministros da Justiça da CPLP, em Díli, para incluir, ao longo de todo o texto, as duas grafias.

Esta foi a solução encontrada depois de um debate que incluiu referências múltiplas à "língua de Camões" e até a análise etimológica da palavra "ata", que o representante da Guiné-Bissau disse poder suscitar uma interpretação alternativa "de atar pessoas".

   Timor-Leste

Ministros da Justiça da CPLP aprovam declaração sobre proteção da criança

Díli - Os ministros da Justiça da CPLP assinaram terça-feira uma declaração sobre a proteção internacional das crianças no espaço lusófono que defende, entre outros aspetos, o combate ao rapto parental e a melhorias às leis de família e adoção.

Este é o tema central da Declaração de Díli, assinada na conclusão da XIV Conferência de ministros da Justiça da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), que decorreu nos últimos dias tendo como tema central a propriedade como fator de desenvolvimento.

   Macau

Emitidas licenças de operação de serviço 4G em Macau

Macau - O Governo de Macau emitiu terça-feira as licenças de operação dos serviços 4G a quatro empresas de telecomunicações de Macau, uma autorização válida por oito anos e que terá de estar em funcionamento ainda em 2015.

A Companhia de Telecomunicações de Macau, China Telecom, Smartone e Hutchinson foram os quatro operadores escolhidos pelo Governo para operarem os serviços 4G. 

   Macau

Governo de Macau aumenta apoios a escolas e alunos para o próximo ano letivo

Macau – O chefe do Executivo de Macau publicou terça-feira dois despachos que aumentam em 8% e 6%, respetivamente, os subsídios às escolas associadas ao programa de escolaridade gratuita e de propinas aos residentes de Macau.

Os dois despachos, publicados em Boletim Oficial e que produzem efeitos a partir de 01 de setembro, quando tem início o ano escolar, atualizam os montantes pagos às escolas particulares que estão associadas ao programa de escolaridade gratuita desde o ensino infantil até ao final do secundário bem como os subsídios de propinas pagos aos alunos do ensino particular não integrado na via gratuita.

   Guiné-Bissau

Programa curricular cumprido este ano letivo na Guiné-Bissau após anos de instabilidade – sindicato

Bissau - O atual ano letivo vai ser o primeiro após vários anos de instabilidade em que o programa curricular foi cumprido e houve tranquilidade nas escolas, considerou terça-feira o presidente do Sindicato Nacional dos Professores da Guiné-Bissau (Sinaprof).

"A nível da transmissão da matéria, do cumprimento do programa, este vai ser um ano diferente de todos os outros, pela positiva", referiu Luís Nancassa, em conferência de imprensa, em Bissau.

   Guiné-Bissau

PR da Guiné-Bissau recebe felicitações do Senegal pelo primeiro aniversário no cargo

Bissau - O Presidente do Senegal, Macky Sall, enviou terça-feira felicitações dirigidas ao Presidente da Guiné-Bissau, José Mário Vaz, pelo seu primeiro aniversário como chefe de Estado.

A mensagem de parabéns foi entregue pelo ministro dos Negócios Estrangeiros do Senegal, Mankeur Ndiaye, recebido em audiência no Palácio Presidencial de Bissau.

   Guiné-Bissau

Ministro da Presidência do Conselho de Ministros da Guiné-Bissau pede demissão

Bissau - O ministro Baciro Djá, que detinha a pasta da Presidência do Conselho de Ministros do Governo da Guiné-Bissau, apresentou terça-feira a demissão ao líder do executivo, Domingos Simões Pereira.

A saída surge depois de o primeiro-ministro e presidente do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) ter criticado Baciro Djá no último fim de semana, durante a reunião do Comité Central do partido - em que Djá é terceiro vice-presidente. 

   Cabo Verde

Poeta português Nuno Rebocho lança em Cabo Verde “Canto Finissecular”

Cidade da Praia - O poeta, escritor e antigo jornalista português Nuno Rebocho, radicado em Cabo Verde há mais de uma década, lançou "Canto Finissecular", com poemas em que narra aspetos íntimos da vida pessoal vividos no final dos anos 1990.

"Os falam, sobretudo, da vida e da morte, da liberdade, dos sonhos e das ambições humanas. O tema do amor, ainda que transpareça aqui e ali, não me seduz, o que não significa que incidentalmente haja dois ou três poemas de amor. Mas esse não é o tema central"; explicou segunda-feira à noite, na apresentação do livro.

   Mundo

Governo e presidente do Camões consideram positiva promoção da língua portuguesa

Lisboa – O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário, e a presidente do Instituto Camões, Ana Paula Laborinho, fizeram terça-feira um balanço positivo da ação do instituto na divulgação da língua portuguesa nos últimos quatro anos.

Os dois responsáveis falavam na Comissão Parlamentar de Negócios Estrangeiros e Comunidades Portuguesas e a sua avaliação do trabalho feito durante esta legislatura é positiva, embora ambos tenham admitido dificuldades decorrentes da redução orçamental.

   Economia

TAP/Privatização: Pires de Lima diz que ligações a África estão garantidas além dos dez anos

Luanda - O ministro da Economia, António Pires de Lima, disse terça-feira, em Luanda, que as ligações aéreas de Portugal para os países africanos de língua portuguesa estão garantidas, após a privatização da TAP, além dos próximo dez anos.

Questionado durante a visita oficial que está a realizar a Luanda, na véspera da assinatura do contrato de venda de 61 por cento do capital social da transportadora aérea portuguesa ao consórcio Gateway, o agrupamento vencedor da privatização, o ministro recordou que a nova gestão da TAP vai ter "obrigações de serviço público" nos próximos dez anos.