Boletim Moçambique

Sexta, 15 Dezembro 2017 • 12 notícias • 5695 caracteres

Subscreva aqui a newsletter Boletim Moçambique

   Moçambique

UE disponibiliza 39,5 ME para apoiar desenvolvimento inclusivo em Moçambique

Maputo - A União Europeia (UE) disponibilizou 39,5 milhões de euros para apoiar as áreas de energia, reforço da cidadania e gestão das finanças públicas em Moçambique, foi sexta-feira divulgado em comunicado.

"Face a estes desafios, os três programas adotados são cruciais para atingir os objetivos estratégicos da nossa parceria com Moçambique", afirmou Neven Mimica, comissário para a Cooperação Internacional e o Desenvolvimento da UE em Moçambique, citado no comunicado.

   MOçambique

Ministério da Saúde de Moçambique precisa de 500 doadores de sangue para época festiva

Maputo - O Ministério da Saúde de Moçambique precisa de pelo menos 500 doadores de sangue para fazer face à época do natal e da passagem de ano, anunciou a responsável pelo setor, citada sexta-feira pela imprensa.

Segundo a ministra da Saúde de Moçambique, Nazira Abdula, no total, as autoridades de saúde precisam de ter pelo menos 15 mil unidades de sangue, o equivalente a 500 doadores.

   MOçambique

Polícia moçambicana apela à rendição de grupo armado em Mocímboa da Praia

Maputo - O comandante-geral da Polícia República de Moçambique (PRM) apelou à rendição dos autores dos ataques armados a Mocímboa da Praia e arredores, no norte do país, nos últimos dois meses.

Bernardino Rafael falava na quinta-feira durante um encontro com a população e é citado sexta-feira na imprensa moçambicana.

   Angola

Primeiro Orçamento de João Lourenço quer economia angolana a crescer 4,9% em 2018

Luanda - O Governo angolano prevê no Orçamento Geral do Estado para 2018 despesas e receitas de 9,6 biliões de kwanzas (48,8 mil milhões de euros) e um crescimento económico de 4,9%, segundo a proposta que deu entrada sexta-feira no parlamento.

A proposta de Orçamento para 2018, entregue na Assembleia Nacional pelo ministro de Estado e do Desenvolvimento Económico e Social, Manuel Nunes Júnior, prevê igualmente um défice de 2,9%, devendo a discussão parlamentar sobre o documento ter início a 05 de janeiro, com votação até 15 de fevereiro. 

   Brasil

Um quarto da população brasileira viveu em 2016 abaixo da linha da pobreza

São Pulo – Um quarto da população brasileira viveu abaixo da linha de pobreza no ano passado, segundo uma pesquisa de indicadores sociais divulgada sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A linha de pobreza adotada pelo Banco Mundial é de 5,5 dólares diários e 25,4% da população brasileira teve uma renda diária abaixo daquele valor, que corresponde a um rendimento mensal de 98,8 euros.

   Brasil

Quantidade de marijuana e cocaína apreendida em 2017 no Brasil já é a maior em 22 anos

Rio de Janeiro - A União Europeia (UE) disponibilizou 39,5 milhões de euros para apoiar as áreas de energia, reforço da cidadania e gestão das finanças públicas em Moçambique, foi divulgado sexta-feira em comunicado.

"Face a estes desafios, os três programas adotados são cruciais para atingir os objetivos estratégicos da nossa parceria com Moçambique", afirmou Neven Mimica, comissário para a Cooperação Internacional e o Desenvolvimento da UE, citado no comunicado.

   Portugal

Portugal reforça apoio financeiro a África em 1.350 milhões

Bruxelas – O primeiro-ministro, António Costa, anunciou sexta-feira, em Bruxelas, o reforço de 1.350 milhões de euros da participação portuguesa no fundo de apoio ao desenvolvimento em África.

“Portugal anunciou o reforço significativo da sua dotação para o fundo fiduciário para África, acrescentando 1.350 milhões de euros à dotação inicial de 400 mil euros”, tendo o reforço sido transferido na quinta-feira, disse o primeiro-ministro, em conferência de imprensa no final da reunião do Conselho Europeu.

   Timor-Leste

Primeiro-ministro adverte que caso de fuga de casal português pode afetar relações bilaterais

Díli - O primeiro-ministro timorense advertiu sexta-feira o Governo português que a sua atitude em relação ao caso do casal português que fugiu de Timor-Leste pode ferir as relações bilaterais e apelou a “um gesto” de Lisboa para esclarecer a situação.

Mari Alkatiri disse à Lusa estar preocupado com o facto de a embaixada portuguesa em Díli ter emitido os passaportes que Tiago e Fong Fong Guerra tinham quando fugiram do país, apelando a Lisboa para que faça "um gesto" em relação a esta situação.

O ministro dos Negócios Estrangeiros assegurou, quando questionado sobre as afirmações, que nada pode prejudicar as relações com Timor-Leste e que o gesto que o Governo português pode dar é a continuidade das boas relações bilaterais e do diálogo.

   Timor-Leste

Presidente apela ao combate contra a pobreza no país

Díli - O combate contra a pobreza que ainda afeta uma fatia importante da população em Timor-Leste deve ser "uma prioridade" do Estado, que deve procurar fortalecer os direitos sociais dos cidadãos, defendeu sexta-feira o Presidente timorense.

"Ainda não respondemos ao problema da pobreza. O Estado ainda não assegura todos os direitos sociais", disse Francisco Guterres Lu-Olo, na cerimónia de entrega, em Díli, da edição de 2017 dos Prémios Sérgio Vieira de Mello de Direitos Humanos.

   Guiné-Bissau

Partidos intentam queixa-crime contra Procurador-Geral da República

Bissau - O advogado do "coletivo de partidos democráticos" da Guiné-Bissau, Gabriel Umabano, disse à Lusa na sexta-feira que apresentou uma queixa-crime no Supremo Tribunal de Justiça contra o Procurador-Geral da República, Bacari Biai, por alegado incitamento à prática de crime.

O coletivo é um espaço de concertação que junta 18 partidos que contestam o regime do Presidente guineense, José Mário Vaz, a quem acusam de pretender instaurar a ditadura no país.

   Cabo Verde

Cabo Verde desafiado a aderir ao Tribunal Africano dos Direitos Humanos

Praia - O presidente do Tribunal Africano dos Direitos Humanos e dos Povos desafiou sexta-feira Cabo Verde a ratificar o protocolo de instituição deste organismo da União Africana, que mantém um fraco nível de adesão de países.

"O grande desafio do Tribunal Africano dos Direitos Humanos, após mais de 10 anos da sua criação, é a fraco índice de ratificação. Entre os 55 estados que integram a União Africana, apenas 30 ratificaram o protocolo de criação e apenas oito depuseram a declaração que permite aos indivíduos e às organizações não governamentais suscitar a atuação do tribunal em caso de violações dos direitos humanos", disse Sylvain Oré.

   Economia

Fitch tira Portugal do lixo ao subir 'rating' em dois níveis

Lisboa - A agência de notação financeira Fitch retirou Portugal do 'lixo', melhorando em dois patamares o 'rating' atribuído à dívida pública portuguesa, de 'BB+' para 'BBB', o segundo nível da categoria de investimento.

Num anúncio feito setxa-feira, a Fitch sobe o 'rating' atribuído à dívida pública e coloca-o sob uma perspetiva positiva, o que significa que se deve manter assim.